AQUI TEM CAFÉ DE VERDADE

SOBRE 

CAFÉS ESPECIAIS

MÉTODOS DE

EXTRAÇÃO 

 

Vamos começar pelos princípios da extração.

 

Basicamente temos duas formas: Infusão e Percolação  

 

  • Infusão: É quando o pó de café fica em contato com a água por um certo período para, então, passar por um filtro para reter o pó.  Exemplo: Café Turco, Clever , Aeropress e Prensa Francesa  

 

  • Percolação: É quando a água passa pelo pó de café e faz a extração dos componentes.  Exemplo:    Melitta, Hario, Chemex, Italiana, Globinho, Kalita, Aram e o café expresso  

 

É importante pensar também em quanto de cafeína quer extrair. O método, temperatura da água e a granulometria são fundamentais para isso.  Existem diversos estudos que se contradizem e não é tão fácil saber o quanto de cafeína por método conseguimos extrair. Porém, basicamente, uma temperatuda adequada (92 a 94 graus), moagem mais fina e maior tempo de infusão extraem mais cafeína.  

 

Vamos ao teor de cafeína médio:  

a) Café Espresso (dose 25 a 30ml): 64mg de cafeína  

 

b) Café Coado (235ml): 95mg de cafeína  

 

Nota-se que a concentração de cafeína no espresso é maior.  Outro ponto importante a salientar é que existem óleos essencais no grão do café e o método influencia diretamente no que será apresentado na xícara. 

 

Primeiro de tudo: café bom é o café que te faz feliz. Óbvio que podemos extrair tudo o que um café de qualidade pode proporcionar através de técnicas e utensílios que as vezes saem muito caro. Mas precisa disso? Não. Apenas seja feliz e beba seu café sem pressa.

 

Sabe o Melitta, aquele da época da vovó? Pronto, pode começar. Agora, se quiser dar um pulo para começar a brincar nas extrações, pode começar com Hario V60, uma chaleira pescoço de ganso e uma balança. Com a Hario V60 você poderá ter um controle maior na extração, a chaleira vai te auxiliar no fluxo de água e a balança é primordial para padronização do café.

 

Normalmente os baristas indicam uma determinada equação na relação entre o pó e a água: 1 para 10, ou seja, para cada medida de pó, coloque 10x de água.

 

Nas minhas andanças nesse mundo, percebi que a maioria das pessoas que prova os cafés especiais nessa proporção o acham fraco, o que não é. Então percebi através de muitos testes que a melhor proporção para o iniciante seria 1 para 8. Mas é claro, essa é a minha medida. Você vai testando a sua aos poucos.    

 

Vamos fazer um café, juntos?  

 

Ingredientes

1) 30 gramas de café moído na hora

 

2) 240ml de água  

 

Como fazer

1) Colocar água na chaleira e esquentar em uma temperatura entre 92 a 94 graus (quando começar a borbulhar, é o momento de parar)

 

2) Coloque a Hario V60 e seu filtro em cima de uma jarra e da balança

 

3) Após a água esquentar, escaldar o litro de papel da Hario V60 para retirar o gosto de papel

 

4) Jogar a água fora

 

5) Zerar a balança e colocar os 30g de café

 

6) Aos poucos, de forma circular, coloque 100ml de água e aguarde 30 segundos. Isso vai ajudar a saturar e soltar aromas e óleos.

 

7) Coloque o restante da água bem devagar no pó

 

Agora é saborear.

 

DSC_7365.jpg